Terapia Familiar

A Terapia Familiar é uma modalidade de intervenção direcionada para indivíduos e famílias. 

Problemas individuais (ex. dificuldades escolares de um jovem; um adulto com episódios de ansiedade) podem estar a indicar perturbações a nível familiar que, em Terapia, são avaliados e nos quais se intervém de forma a potenciar um maior bem-estar individual e familiar.

Nas sessões terapêuticas é habitual comparecerem dois ou mais elementos da família, tendencialmente a família nuclear, que vive em conjunto. Não obstante, as sessões são fluidas podendo incluir menos elementos, ou outros elementos da família alargada (ex. avós, tios). O processo terapêutico de cada família é único, e baseia-se no diálogo, na partilha e escuta das experiências situacionais e emocionais de cada elemento, para que todos tenham um espaço. O objetivo é equilibrar o crescimento individual autónomo e o crescimento emocional familiar como um todo.

Através de uma abordagem sistémica e bioecológica, as famílias são acompanhadas por um ou dois psicólogos especializados que procuram capacitar e colocar em evidência as competências da família para resolver os seus problemas. É nela que está a solução.

Exemplos de situações problemáticas que levam as famílias a terapia são:

  • Conflitos familiares

  • Questões de parentalidade

  • Problemas de comportamento

  • Comportamentos aditivos

  • Luto

  • Perturbações Depressivas

  • Perturbações de Ansiedade

  • Perturbações de Comportamento Alimentar

  • Instabilidade Emocional